piscantes luzes.

17:50 Ana Flávia Sousa 11 Comments






Encontro-me e perco-me entre estas luzes piscantes que me cegam e abrem meus olhos. Pensamentos alados, ao lado: borboletas e dentes-de-leão se des-fa-zen-do, frágeis.  Olhos que teimam em se afogar, sem ar. Porta-retrato-da-vida em cima de uma mesa qualquer, esperando apenas. Aguardando, serena. Melancolia de fim de ano, de ano novo, de querer mais que poder, de sonhar e só sonhar. Querer voar, em alto e bom tom. Ruas escuras, luzinhas delicadas, jingobell anunciando mudanças. Eu, esperando mudanças e cantarolando jingobell, que é pra ver se Papai Noel me ouve. Súplica.

 Não tem cartas, nem listas, só uma oração arranhada. 'Que seja melhor! Que seja melhor! Que seja melhor!' E doce, se achar que é merecido, completo baixinho. Bai-xi-nho que é pra não querer demais, voar mais alto que as asas aguentam... Que apenas, possamos planejar, mais uma vez. Uma certeza. Uma luz que não pisque, pisque, pisque. Uma luz pra i-lu-mi-nar tantos sonhos encaixotados. Uma luz pra não deixar que esqueçamos de sonhar - imaginar. Uma luz, permanente. Uma certeza. 


Só porque a decoração de Natal nas ruas,
 decora minha alma também, de sonhos e esperanças.

Feliz  Natal. ;*

11 comentários:

  1. Que fofo, Ana! Achei lindo esse texto, porque acredito que todos ficamos encantados com as luzes natalinas e o clima dessa época, que nos contagia de uma maneira inexplicável - embora o ano esteja acabando e isso desperte uma nostalgia por vezes melancólica.
    Desculpa pela ausência do teu blog. Sinto falta de comentar por aqui, mas o tempo esteve muito curto mesmo (e minha desorganização nesse quesito também contribuiu).
    Desejo um feliz natal e um ótimo ano novo para ti, guria! :) Bom passar por aqui e ler um escrito tão lindo! Sempre fico feliz. Beijos.

    ResponderExcluir
  2. Você é muito inteligente, gosto do jeito que escreve.

    ResponderExcluir
  3. - O Natal nos deixa tão genuínos, ousaria dizer que ficamos até um pouco melancólicos... Mas enfim, é uma magia. É algo bom!
    Você escreve muito bem vi? Lindo seu texto.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Muito bonito Ana, então vamos rezar muito e pedir um ano maravilhoso :)
    Bjos

    ResponderExcluir
  5. Ana Flávia querida, compartilhamos não só o seu segundo nome primoroso mas a visão de uma vida leve e feliz! Além dos desejos para um ano primoroso!

    Amei a sua frase final!

    Um Feliz Natal e um Ano Novo incrível pra nós!

    Beijoca

    ResponderExcluir
  6. Das ruas? Quase não as vi por aqui D:

    ResponderExcluir
  7. E a mensagem principal do Natal é mesmo essa: deixar acesa a chama da esperança. Quem acredita no "sentido comercial e maquiavélico" do Natal não sabe o que está deixando de aproveitar. Enfim...
    Feliz ano-novo para você. Abraços.

    ResponderExcluir
  8. Natal, Ano Novo... É incrível como conseguem mudar alguma coisa dentro de nós, mesmo que de uma forma sutil. Sempre bate aquela esperancinha de que as coisas fiquem melhores ainda, e a ansiedade pelo recomeço. Acho que a graça é toda essa: recomeçar. Todos nós precisamos recomeçar, renovar. Faz bem, e eu, particularmente, sempre fico mais feliz. Sou uma apaixonada pelo Natal, uma criança sonhadora no ano novo.
    Lindo, Aninha!
    Saudades daqui e de você!
    Que você tenha um 2013 lindo, doce e encantador!
    Beijos, mineirinha flor!

    ResponderExcluir
  9. Que seja melhor mesmo! Quando o nosso desejo é verdadeiro e cuidamos da nossa fé, conseguimos a força para lutar e alcançar mil objetivos! (: Muitas paz pra você! Muito boa a música do Bob Dylan, sou apaixonada por ela!
    Um beijão :*

    ResponderExcluir
  10. Tudo perfeito nesse blogger,os textos, o template, tudo lindo


    http://lagrimasdeumgaroto.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

:)